Logotipo endocrinovalle

Exames de Fundo de Olho: Consultório Médico de Endocrinologia

Fazemos Exames de Fundo de Olho para:

Agende seu exame e previna as complicações que a diabetes, hipertensão e outras doenças crônicas podem causar na perda da visão.

Diretora Clínica da Endocrinovalle

Dra. Cybelle Louback
CRM 174.965 | RQE 94.395

 

Por que fazer o Exame de Fundo de Olho ?

Em resumo, os exames de fundo de olho desempenham um papel fundamental na detecção precoce, monitoramento e tratamento das complicações oculares associadas à diabetes e outras doenças, como hipertensão, por exemplo, contribuindo assim para um melhor controle da doença e preservação da visão. Os resultados dos exames de fundo de olho podem informar os endocrinologistas sobre a eficácia do tratamento da diabetes e ajudar na tomada de decisões clínicas

Detecção de Retinopatia Diabética

A retinopatia diabética é uma complicação comum da diabetes que pode causar danos aos vasos sanguíneos da retina.

Monitoramento da Progressão da Doença

O exame de fundo de olho permite aos médicos monitorar a progressão da retinopatia diabética ao longo do tempo.

Avaliação da Eficácia do Controle Glicêmico

O exame de fundo de olho permite aos médicos monitorar a progressão da retinopatia diabética ao longo do tempo.

Identificação de Outras Complicações Oculares

Além da retinopatia diabética, o exame de fundo de olho também pode revelar outras complicações oculares associadas à diabetes, como catarata e glaucoma.

Integração com o Tratamento Endocrinológico

Ao trabalhar em conjunto com endocrinologistas, oftalmologistas podem fornecer uma abordagem no tratamento da diabetes.

Educação do
Paciente

O Exame de fundo de olho oferece uma oportunidade valiosa para educar os pacientes sobre a importância do controle da diabetes para a saúde ocular.

Quanto tempo leva o Exame de Fundo de Olho ?

O exame de fundo de olho geralmente leva apenas alguns minutos para ser concluído. Durante o exame, o oftalmologista dilata as pupilas do paciente com gotas e, em seguida, examina o fundo do olho usando um oftalmoscópio, um instrumento que permite visualizar a retina, o nervo óptico e os vasos sanguíneos.

Embora seja um procedimento rápido, o exame de fundo de olho é incrivelmente importante e pode fazer toda a diferença na vida do paciente. Mesmo que seja cômodo e rápido, suas consequências podem ser significativas. Detectar precocemente complicações oculares, como a retinopatia diabética, pode permitir intervenções médicas oportunas que ajudam a preservar a visão e a qualidade de vida do paciente a longo prazo.

Assim, embora seja um procedimento simples, o exame de fundo de olho é uma ferramenta vital na oftalmologia, especialmente para pacientes com diabetes. Ele ilustra como uma avaliação rápida e indolor pode ter um impacto profundo na saúde ocular e geral do paciente, destacando a importância da rotina de exames oftalmológicos regulares.

FAQ (Perguntas Frequentes)

Para pacientes com diabetes, é recomendado fazer o exame de fundo de olho anualmente. Para aqueles sem condições médicas específicas, a frequência pode ser determinada pelo oftalmologista com base no histórico médico, idade e outros fatores de risco.

Não, o exame de fundo de olho não é doloroso. No máximo, pode causar um leve desconforto devido à dilatação das pupilas, mas isso é temporário e desaparece após algumas horas.

Geralmente, não são necessários preparativos especiais. No entanto, é importante informar ao oftalmologista sobre quaisquer condições médicas preexistentes e medicamentos em uso. Além disso, se houver sensibilidade à luz, é recomendável trazer óculos escuros para usar após o exame.

Geralmente, não são necessários preparativos especiais. No entanto, é importante informar ao oftalmologista sobre quaisquer condições médicas preexistentes e medicamentos em uso. Além disso, se houver sensibilidade à luz, é recomendável trazer óculos escuros para usar após o exame.

Após o exame de fundo de olho, pode levar algumas horas para que a visão retorne ao normal devido à dilatação das pupilas. Recomenda-se evitar dirigir enquanto a visão estiver prejudicada e usar óculos escuros para proteger os olhos da sensibilidade à luz até que a dilatação desapareça completamente.